7 de abril de 2018

CABALÁ: NÃO SE VENCE ESCURIDÃO COM ESCURIDÃO - SE VENCE ESCURIDÃO COM LUZ


Moisés e o arbusto em chamas, mas o profeta dos judeus percebe que as labaredas não consomem a planta (Aquele que torna tudo possível em nossa breve existência). Moisés está pisando em solo sagrado, por isso, ele tirou as sandálias

O que eu aprendi é que nunca vamos vencer a escuridão com mais escuridão. Tem que acender a luz. Esses acontecimentos mexem muito com o emocional. Dá revolta mesmo. Mas temos que aprender a ter tolerância. Não ser mais uma voz de intolerância. 




Deus se revelou para Moisés através da luz (chamas queimando um arbusto que não era consumido por elas) 

Os americanos mataram Saddam Hussein. Resolveu o problema? Não. Piorou. Se espalhou. Não era o Saddam Hussein. É o ódio que ainda existe dentro de nós. Esse é o verdadeiro inimigo. O ódio. O lado negativo que nos faz pensar somente em nós mesmos. 
Vem na cabeça revolta. Vem raiva. Vamos lutar contra. Cantar. Pensar num Salmo. Lutar contra o mau pensamento. Até mesmo no vale da sombra da morte não temerei o mal porque Você está comigo. A mudança acontece mais internamente que externamente. O externo é manifestação do nosso interno. 
Temos dentro de nós raiva, inveja, preconceito, pré-julgamento, ódio. No mundo externo aparece um maluco atropelando todo mundo. É um reflexo do nosso interno, saiba disso.

. Fonte:
Por: Shmuel Lemle em 15/07/16 15:41

Nenhum comentário: